Destarte, #3 – O futuro da Poesia

LEIA minha coluna desta sexta-feira, excepcionalmente não publicada na quinta-feira —, em virtude do evento de lançamento do meu "Frágil armação"(2a. edição), editado por Livraria e Editora Caminhos. Clique no link para ler na íntegra.

As diversas espécies de um mundo em extinção

W Whitman - Cristo Carpinteiro

Na minha coluna de hoje, em Opção Cultural, Cunningham é o mote para eu escrever sobre Whitman - crítica de "Dias exemplares" (romance de Michael Cunningham). Confiram, clicando na figura abaixo, para ler todo o artigo.

Queres ler o quê? (VIII)

DOSTOIÉVSKI (1) "Existem poucos escritores cuja obra tenha sido tão tenazmente mal compreendida como a de Dostoiévski. Dostoiévski é, se não o maior, decerto o mais poderoso escritor do século XIX; ou do século XX, pois a sua obra constitui o marco entre dois séculos da literatura. Literariamente, tudo o que é pré-dostoievskiano é  pré-histórico; … Continuar lendo Queres ler o quê? (VIII)

Rascunho

Feliz com a publicação de minha primeira colaboração no jornal Rascunho. Resenha sobre o livro "O método Albertine", de Anne Carson, na edição nr. 206, junho/17 - , que, em breve, deverá estar online no site do jornal. Por ora, fica o registro aos amigos do blog. *O site e o autor são os mesmos, … Continuar lendo Rascunho

Shakespeare, 400 anos depois…

Exposição Biblioteca Central da Florida International University (FIU)

400 depois... O POETA-DRAMATURGO INGLÊS ESTÁ VIVO e influenciando muitos escritores ao redor do mundo. Bem que os políticos brasileiros poderiam tomar umas lições com o bardo inglês, não é? 2 ou 3 coisas que Shakespeare poderia ensinar aos políticos brasileiros, com o Prof. João Cézar de Castro Rocha. https://www.youtube.com/watch?v=ysZJLhEsNDM E mais, saiba sobre a … Continuar lendo Shakespeare, 400 anos depois…

Mikel Dufrenne, “O Homem Poético” (i)

https://soundcloud.com/adalbertoqueiroz/o-homem-po-tico-mikel-dufrenne

Ercília Macedo-Eckel relê e interpreta os Cadernos de Sizenando

DEVO meu amor à literatura, em grande parte, à escritora Ercília Macedo-eckel, pois foi ela a pessoa que me ensinou muito do que sei de nossa língua portuguesa e sobre a literatura em geral, quando foi minha professora no CCM, em Anápolis,na décADA de 60 do século passado. eRcília é Mestra em Literatura e escritora … Continuar lendo Ercília Macedo-Eckel relê e interpreta os Cadernos de Sizenando