Projeto “Poesia Falada”: projeto SoundCloud (1)

Adendo

Minha crônica em Revista Bula

Zebras de Josh Brown

Um clarão na página que acenda sua imaginação — eis o que pretendo continuar fazendo. Se você já pulou a barreira do título, entre mil manchetes mais picantes do seu dia-a-dia na internet, seja bem-vindo ao sanatório, desculpe, ao zoológico brasileiro da política.

C. S. Lewis Sobre a Verdadeira Amizade

Dos livros do C.S.Lewis é um que li resumos e gostaria de ler no todo. Wish-list, já!

À Deriva do Saber

Por Maria Popova

Os Quatro Amores Os Quatro Amores

“A amizade… não possui valor de sobrevivência; antes, ela é uma daquelas coisas que dá valor à sobrevivência.”

“O que há de tão delicioso em um encontro justo e firme de dois, em um pensamento, em um sentimento?” — maravilhou-se Emerson, em sua primorosa meditação sobre a amizade.¹ Mas o quê, exatamente, está no coração deste “justo e firme encontro”? Em seu criterioso livro de 1960, Os Quatro Amores, C. S. Lewis toma onde Aristóteles parou e examina as diferenças entre as quatro principais categorias dos laços íntimos humanos — afeição, a mais básica e expressiva; Eros, o desejo apaixonado e às vezes destrutivo de amantes; caridade, a conexão espiritual mais alta e mais altruísta; e amizade, a relação mais rara, menos ciumenta e mais profunda.

Numa das mais belas passagens, ele considera como a amizade se difere dos outros três tipos de…

Ver o post original 293 mais palavras

Weekly Photo Challenge: Fresh

Santo Agostinho tinha razão, como na legenda do blog se explica: “O mundo é um livro e aqueles que não viajam lêem uma só página…”The world is a book, and those who don’t travel only read one page.” ― Saint Augustine

The World Is A Book...

fresh fish-01fresh fish

Freshyou bet! 🙂   

WPC: Fresh

Happy Weekend! 

Ver o post original

A Word A Week Photograph Challenge: Raindrop

Para amenizar as retinas cansadas…

The World Is A Book...

3 images

IMG_4428-Edit-01IMG_4257img_2300-2-01

Rain is always welcome here in Texas. We have had a few gloomy and rainy days this week. It showered throughout the day on Tuesday. As soon as it stopped in the evening, I dashed out and took several photos of the raindrops.

….

I’m never gonna stop the rain
By complaining
Because I’m free, ‘cause nothing’s worrying me…

~ Raindrops keep falling on my head

Earlier, I mentioned that Helen captured a beautiful smile of a hard-working lady in a grocery store; she then made a hard copy and handed to the lady. Helen graciously agreed to re-post the heartwarming story and photo for us. 🙂 Click HERE…  Thank you so much, Helen!

This post is responding to the A Word A Week Raindrop Challenge.

Happy Thursday!  

Ver o post original

O dom da profecia em tempos pós-modernos…

< Era 2006...Olha só o profeta Olavo de Carvalho: in Jornal do Brasil, 7 de setembro de 2006: "A construção do sistema nacional de roubalheira petista não começou em 2003, nem é um desvio acidental da linha partidária. Vem do início dos anos 90. É parte integrante da estratégia de conquista progressiva do poder total, … Continuar lendo O dom da profecia em tempos pós-modernos…

Some black & whites

Para tão expressivas fotos, devo adicionar alguns poemas. Não será difícil, só aguardem eu me desvencilhar de uns compromissos…

Hope* the happy hugger

I love taking pictures of doorways, doors and walkways.  Here are some doors…
windowsdoors3

windowsdoors4

*hugs*

Ver o post original

street life (fractured)

Rainer Maria Rilke fala ao coração dos amantes da poesia, das artes e até da Fotografia – arte oitava ou nona?! Viva Rilke, viva BelgianStreets.

belgianstreets

“under an open window, a
violin yielded
itself to
your”

― rainer maria rilke

they say our eyes are

the windows

to our

soul

and so, what

do these windows, say

to you?

(for justine’s eclectic corner – street life, photography and writing)

(and for lucile’s the clinic – photo rehab)

*shot with nikon d700, 70-300mm lens, edited with aperture 3 and analog efex pro 2 with double exposure filter applied, through the window of conscience*

Ver o post original

Blogs de Papel e Tinta – Entrevista com Ruy Goiaba

Ruy Goiaba é o cara! Se o Felipão ainda não convocou, é por conta da oposição da “elite branca”

Textos especiais v2.3

Foi  à época da publicação do livro Wunderblogs.com, S.Paulo, Ed. Barracuda, 2004 – 297p –

Olá, Ruy. Eu leio você desde o Blogger/Blogspot. mais ou menos, desde 2001.Você nunca deixou a peteca cair. Era uma espécie de vicio solitário?:-)Antes que surgisse a maçon…digo, os Wunderblogs, vc alguma vez já quis parar?

Ruy: Muito obrigado pelo elogio, Meg. Por não concordar inteiramente com ele é que já pensei em parar inúmeras vezes -sempre que me sinto sem inspiração, sofro com o excesso de trabalho extrablog ou “deixo a peteca cair”. Acontecia antes que eu me juntasse aos Wunderblogs e também aconteceu depois. Acabo voltando a escrever porque o Brasil é, para mim, um país inspirador -a goiabice aqui está por toda a parte.🙂

*É diferente: bom, melhor etc . escrever num ‘condomínio’ de blogs?

Ruy: Em alguns pontos, é diferente para melhor, sem dúvida. A qualidade…

Ver o post original 2.010 mais palavras

“A word is dead…”

"A word is dead When it is said, Some say. I say it just Begins to live That day." (E.Dickinson) Emily aqui... E, que maravilha, também no Deezer.com O que nos permite ouvir+ler os poemas de Emily.