Adalberto Queiroz, Catolicismo, Crítica Literária, Franklin de Oliveira, Goiandira Ortiz, História e Crítica

Destarte, #3 – O futuro da Poesia

LEIA minha coluna desta sexta-feira, excepcionalmente não publicada na quinta-feira —, em virtude do evento de lançamento do meu "Frágil armação"(2a. edição), editado por Livraria e Editora Caminhos. Clique no link para ler na íntegra.

Adalberto Queiroz, Catolicismo, Destino Palavra, Poesia Falada, Poesia Falada por Adalberto Queiroz

Queres ler o quê (VII)

Mais um Poema falado no SoundCloud. Fonte: "Destino palavra", edição do Autor, 2016, p.51/2. Queres ler o quê? Do poeta Jorge de Lima um poema- pergunta me assalta; e me lança a poço tão fundo, de tardia Samaria isolada: - Queres ler o que tão só se entrelê e o resto em ti está? Flor… Continuar lendo Queres ler o quê (VII)

Adalberto Queiroz, Adalberto Queiroz, Catolicismo, Poemas Católicos, Poemas de esperança

Comunicação no I Colóquio de Poesia Goiana, 2017

I Colóquio de Poesia UFG,  12 de Junho de 2017 - participação na Mesa coordenada pelo poeta Miguel Jubé, doutorando em Letras pela UFG; tema: "A nova poesia em Goiás". Participação minha com os poetas Edmar Guimarães, Fabrício Clemente e a poetisa Dheyne de Souza. Boa tarde! Concordando com o escritor britânico Gilbert Keith Chesterton… Continuar lendo Comunicação no I Colóquio de Poesia Goiana, 2017

Adalberto Queiroz, Catolicismo, Crítica Literária, FazerLiterário, Literatura, Literatura brasileira

Sobre Diogo Rosas G

Continuando a série de leituras sobre a novíssima literatura feita no Brasil, apresento artigo sobre o livro de DIOGO ROSAS G. divulgado em Opção Cultural, caderno dedicado à Cultura no Jornal Opção, Goiânia, ed. 2170, 13.02.2017. Para ler o artigo, clique na imagem abaixo.

Adalberto Queiroz, Catolicismo, Destino Palavra, Escrita, Lançamento

Em lançamento: “Destino Palavra”

Video de apresentação dolançamento do livro de poesia - "Destino Palavra" (Adalberto de Queiroz), na Ube/Seção Goiás.

Adalberto Queiroz, Beto Queiroz, Crônica

A cachoeira*

Das idas a Corumbá de Goiás, posso lembrar-me com alegria. Minha memória guarda um desses passeios como um dia envolto na neblina, vaporzinho descendo sobre a alma plena de alegria, da mesma forma que este café da tarde faz subir a razão em sua fumaça, semelhante ao gênio da lâmpada. Para o menino que fui… Continuar lendo A cachoeira*

Adalberto Queiroz, José Décio Filho, Poesia

Ensaio no Jornal Opção sobre a poesia de José Décio Filho (III)

A duradoura poesia de José Décio Filho, o insone “São Francisco agnóstico” de Goiás. Por Adalberto de Queiroz, Especial para Opção. Leia no caderno Cultural do Jornal Opção, Goiânia, 26.ABR.15.