Emily Dickinson, 11/100

The Bee is not afraid of me.
I know the Butterfly.
The pretty people in the Woods
Receive me cordially –
The Brooks laugh louder when I come –
The Breezes madder play;
Wherefore mine eye thy silver mists,
Wherefore, Oh Summer’s Day?
(111)
Tradução de Dona Aíla de Oliveira Gomes:
A abelha comigo não se intimida.
A borboleta é minha amiga,
Os seres mais bonitos da floresta
Recebem-me com muita festa.

Os rios riem alegres quando eu passo
Brinca mais doida a viração
Porque então, olhos meus, toda essa névoa?
Porque, oh dia de verão?
+++

Fonte: `Dickinson, Emily. “Uma Centena de Poemas”´, Trad. Aíla de Oliveira Gomes, T.A.Queiroz Ed/Usp, 1985, pág. 42/43.

Deixe uma resposta