Literatura, Manoel de Barros, Poesia

Se ontem o Poeta agonizava…


Poeta Manoel de Barros (1916-2014)
Manoel de Barros 1916-2014 (Foto: Reprodução/TV Morena) via G1.com

Hoje se foi…
Estrela já era, a outras se juntou, com seu ‘verbal de ave’, com suas miudezas estelares.
Descanse em paz, sêo Manoel Barros.

Epitáfio G1.

Memorial do Estadão.

Passagem de Manoel Barros, pela FSP.

Depois, volto com mais memórias e poemas.

Adeus!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s