Salve, Antonio Tabucchi (I)

Num pequeno período de férias, em dezembro passado, fui à biblioteca do hotel em que estava hospedado com a família, quando encontrei “Réquiem: Uma Alucinação”, livro de A.Tabucchi escrito pelo italiano, originalmente, em língua portuguesa. As poucas páginas do romance foram lidas com voracidade e entusiasmo crescente a cada página. Nem me lembrava que na … Continuar lendo Salve, Antonio Tabucchi (I)

Amália: a voz do fado, pra sempre!

http://youtu.be/95gSy_-fHzQ

Portugal: livros, bacalhaus e fados em 7 dias

Amigos, Como sabem, estive em missão de negócios em Portugal por 7 dias na semana passada. Retornei ao Brasil, mas Portugal persiste em meu coração e minha alma, porque a cultura une a família Amaral Queiroz às raízes lusitanas. Ouço no carro e em casa os fados que trouxe de cada casa visitada nas horas … Continuar lendo Portugal: livros, bacalhaus e fados em 7 dias