Centenário da poetisa Dora Ferreira da Silva

Rondando as fronteiras do sagrado
Dora Ferreira da Silva (centenário)

No ano do centenário da poeta Dora Ferreira da Silva, somos brindados por uma edição que para mim é o lançamento do ano no mercado editorial brasileiro “Uma via de ver as coisas[i]”, segunda edição de um livro que foi pela primeira vez editado em 1973, como o segundo livro individual de Dora.

[i] SILVA, Dora Ferreira da (1918-2006). “Uma via de ver as coisas”. Goiânia: Martelo, 2018.

Para ler o artigo completo, clique na imagem abaixo.Destarte 05 SET 2018.PNG

Poesia Falada…”Cem poemas essenciais”

Do projeto “Cem poemas essenciais”.

 

sonia-maria-institucional-02Poema: “Vislumbres”, de Sônia Maria Santos.
Récita de Adalberto Queiroz.
Música: “Fado de Vila Boa”, Pádua e Maria Eugênia.
Trabalhos técnicos:
Roberval Silva.
capa-materia-da-alma

Para ler mais poemas, clique AQUI.

São João da Cruz, mestre, poeta e místico (1542-1591)

Stanzas que tocam o coração e a alma do poeta.

S.João da Cruz, patrono dos poetas.
Porque “além da Noite Escura”, a “Esperanza del cielo
tanto espera quanto alcanza…”

 

 

 

 

 

 

 

 

6.IV

(…)

“Por una extraña manera

mil vuelos pasé de un vuelo

porque esperanza del cielo

tanto alcanza cuanto espera

esperé solo este lance

y en esperar no fui falto

pues fui tan alto tan alto,

que le di a la caza alcance.”

*****

“6.IV

“In a wonderful way

my one flight surpassed

a thousand,

for the hope of heaven

attains as much as it hopes for;

this seeking is my only hope,

and in hoping, I made no mistake,

because I flew so high, so high,

that I took the prey.”

+++++ 

//ws-na.amazon-adsystem.com/widgets/q?ServiceVersion=20070822&OneJS=1&Operation=GetAdHtml&MarketPlace=US&source=ss&ref=ss_til&ad_type=product_link&tracking_id=httptrabalhar-20&marketplace=amazon&region=US&placement=0935216146&asins=0935216146&linkId=IHXWJQDBXYRXYKKY&show_border=true&link_opens_in_new_window=true

(c) S. João da Cruz, Complete Works, trad. de Kieran Kavanaugh & Otilio Rodriguez.